Notícias

Egressos da Suprema valorizam o esporte na formação acadêmica

Para “driblar” o distanciamento social, isolamento ou quarentena causados pela pandemia do coronavírus, a coordenação de esportes da Suprema criou uma programação que alcançou grande sucesso nas redes sociais, o projeto Resenha Esportiva com Egressos. A live dinâmica colocou em discussão o esporte e abordou sua importância na formação acadêmica.



Para o idealizador do projeto, o gerente de esportes da Suprema, Dirceu Fábio Ribeiro, o objetivo é resgatar e valorizar os estudantes formados pela instituição. “A ideia partiu, porque identificamos a necessidade de transmitir mensagens positivas e incentivadoras neste momento tão conturbado. Levantamos e discutimos pensamentos, histórias e cases de sucesso dos egressos”, explica Dirceu, satisfeito pela grande aceitação e sucesso da iniciativa.



Para o cirurgião-dentista João Pedro Oliveira, estas lives mostram como a Suprema está sempre em evolução e movimento. “É uma grande oportunidade de interagir com colegas que construímos laços. Além de nos fazer importantes ao contar um pouco das conquistas na profissão e no esporte, eterniza uma parte da nossa história”, ressalta.


O esporte na formação acadêmica da Suprema é um aliado na construção de valores éticos” sempre presentes na vida do profissional da saúde. Em um bate-papo com duração de 40 minutos, Dirceu Ribeiro recebeu egressos dos cursos de Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Medicina e Odontologia. “São profissionais que trabalham em diversas regiões do país e reservaram espaço na agenda para contar, em nossa live, detalhes da participação expressiva no esporte da instituição. Na conversa abordamos o quanto o esporte é importante na construção das amizades e valores éticos, além de resgatar sentimentos como a sensação de vestir a camisa da Suprema. Isso reforça o carinho especial com cada egresso”, defende Dirceu.


Dirceu acrescenta que já foram realizadas várias lives com atletas da cidade, do país e também do exterior, além do “Quarentreino, treino on-line supervisionado pela equipe de esportes, três vezes por semana, visando romper a inércia gerada pela pandemia”.


Além do esporte, houve ainda a solidariedade. Ações envolvendo as atléticas dos cursos buscaram arrecadar alimentos, álcool em gel e materiais de limpeza para doar às instituições carentes da cidade.



Quem sempre bateu um bolão nos campos e também na profissão médica é o Diretor-Geral da Suprema, Jorge Montessi, defensor das atividades esportivas como congregadoras à vida acadêmica. Para ele, o esporte sempre foi tudo em sua vida, e responsável por diversas alegrias. “Na juventude, tive a grande oportunidade de passar pelos times locais, como Mundo Novo, Valença, o famoso Loyola e também pelas bases juvenis do Tupi”.


No Galo Carijó, Jorge Montessi teve o primeiro encontro com o também diretor da Suprema, Ricardo Campello, onde foram treinados pelo “craque” Moacir Toledo, “um dos maiores jogadores de Juiz de Fora de todos os tempos ”, relembra. O Diretor -Geral, agora como profissional da saúde, explica que a prática esportiva auxilia a área cognitiva, trazendo maior concentração, melhor capacidade de memorização e mais atenção. Ajuda no equilíbrio, promove bem-estar, controla a ansiedade, proporciona qualidade do sono, dentre outros.


Após a saída do Tupi, Jorge Montessi dedicou-se à Medicina, aliando a rotina de estudos aos times da faculdade. “Os hábitos esportivos são responsáveis pela liberação de endorfinas no corpo, proporcionam um momento particular de descontração, além do entrosamento com as pessoas, o que é muito salutar em criar um vínculo, reforçando as amizades sinceras de toda a vida. Por isso, defendo a importância do apoio fundamental da Suprema às atividades esportivas”, conta o atleta de campo soçaite, que não perde as “peladas” com os amigos, já há 42 anos, agora nos gramados do Clube do Papo.


Na Suprema, existem também os torneios entre professores e estudantes, rivalidade positiva que estreita laços primordiais entre docentes e acadêmicos.



Luiza Verardo Lima

Medicina – formada em 2019/2 - vôlei

“A coordenação de esportes foi muito feliz ao realizar o projeto resenha esportiva com egressos. Em meio ao que estamos vivendo, cercados de tantas incertezas, foi um privilégio reviver momentos tão especiais e esperançosos para nós, além de uma excelente oportunidade de reforçar a importância do esporte para uma vida mais leve e saudável”.



Lila Calil Campos

Odontologia – formada em 2018/2 - vôlei

“É um momento de reflexão e oportunidade de conhecer melhor outros atletas, relembrar situações marcantes e amizades na Suprema. O esporte na graduação tem uma grande importância no lazer dos estudantes, na convivência, trabalho em equipe e na competição. Foi muito bom me distrair da pressão dos estudos e provas, me sentia muito bem. Reforço que esse incentivo que a Suprema dá aos acadêmicos com o esporte é um diferencial para a formação”.



Luiz Guilherme Tafuri

Medicina – formado em 2020/1 - futebol e futsal

“Fui o primeiro a participar da live Resenha Esportiva e acho brilhante poder resgatar memórias na Suprema, local especial onde passei o melhor momento da minha vida. É uma grande oportunidade para o egresso não perder o vínculo com a instituição. Em 2017, fui eleito o melhor atleta universitário de Juiz de Fora e devo essa conquista a toda equipe da faculdade. Tenho muito orgulho por construir minha história profissional na Suprema”.



João Gustavo Firmino

Farmácia – formado em 2019/2 - futebol e futsal

“O projeto Resenha Esportiva com Egressos é uma atividade inovadora que a Suprema desenvolveu para valorizar o esporte neste período de isolamento social. Fiquei extremamente lisonjeado em participar, pois o esporte, em especial o futebol, contribuiu de forma significativa na minha vida, melhorando e mantendo os círculos sociais, aumentando inúmeros valores e principalmente a manutenção dos amigos da faculdade que levarei para toda vida”.



Cristiano Dávila Barros

Fisioterapia – formado 2010/2 - Futebol e Futsal

“O esporte sempre esteve ao lado dos acadêmicos da Suprema, e guardo com muito carinho esses momentos. É importante falar de esporte, neste momento de pandemia, mais ainda, pois nossa faculdade sempre teve excelentes desempenhos e histórico forte no cenário estudantil com as competições. As resenhas amenizam a vontade de voltar logo a participar”.

logobase3.png